Homem é morto a tiros durante culto em igreja de São Sebastião do Paraíso

Homem é morto a tiros durante culto em igreja de São Sebastião do Paraíso

Um homem foi morto a tiros durante um culto evangélico na noite deste domingo (10) em São Sebastião do Paraíso (MG). Segundo a Polícia Militar, a vítima de 27 anos participava do culto em uma igreja localizada no bairro João XXIII, quando o suspeito invadiu o local e fez os disparos. Quatro pessoas foram presas em Teófilo Otoni, a cerca de 837 km de distância.

O homem foi atingido com três tiros na cabeça. Após atirar contra a vítima, o suspeito saiu da igreja e entrou em um carro que estava estacionado perto do local junto com outros indivíduos. A motivação do crime ainda não foi informada.

“As guarnições se deslocaram até o local, onde depararam com um corpo caído ao solo, em cima de uma poça de sangue, no interior de um templo religioso. Levantamentos foram feitos no local e, segundo informações, o autor teria entrado no templo religioso, cumprimentado o pessoal e, logo em seguida, efetuado três disparos de arma de fogo em direção à vítima. Os disparos forem feitos na direção da cabeça e do pescoço. Esse autor teria evadido em um carro de cor escura, em rumo ignorado”, disse o tenente da Polícia Militar, Marcelo Giliard de Jesus Silva.

A vítima foi identificada como Kauê Alves dos Santos. Ele morreu no local. O corpo dele foi removido para a funerária e depois seria encaminhado para o IML. A vítima é natural do estado do Tocantins.

A Polícia Militar informou que fez uma operação para localizar os suspeitos. Após compartilhamento de informações entre os órgãos de segurança pública, a Polícia Rodoviária Federal abordou um veículo suspeito na BR-116, em Teófilo Otoni (MG), a cerca de 837 km de distância de São Sebastião do Paraíso.

Suspeitos de matar homem em igreja são presos em Teófilo Ottoni — Foto: Líder TV
Suspeitos de matar homem em igreja são presos em Teófilo Ottoni — Foto: Líder TV

No veículo, que tinha placas do Ceará, estavam três homens, de 41, 35 e 30 anos, e uma mulher de 41 anos. Ainda de acordo com a PM, durante a abordagem os policiais apreenderam uma arma, que pode ter sido utilizada no crime.

“Foi dado início à operação cerco e bloqueio, em toda nossa área, além de realizado o compartilhamento de informações com outros órgãos de segurança pública. Com isso, a Polícia Rodoviária Federal conseguiu abordar esse veículo na cidade de Teófilo Ottoni, onde realizou a prisão dos indivíduos e a apreensão da arma de fogo utilizada no crime. Foi realizada a prisão de quatro pessoas, sendo três do sexo masculino e uma do sexo feminino. Todos esses indivíduos teriam participação no crime. A motivação do delito será objeto de investigação, todos os fatos serão levados aos conhecimentos da polícia judiciária que vai realizar os levantamentos de informações”, falou o tenente da PM.

Os suspeitos foram presos e serão encaminhados para a delegacia de Teófilo Otoni. Conforme a PRF, um dos suspeitos confessou o crime e disse que matou a vítima por vingança relacionada a outro crime.

Por g1

Destaque Polícia