Acusado de matar enfermeira a facadas em Conceição dos Ouros é condenado a 24 anos de prisão

Acusado de matar enfermeira a facadas em Conceição dos Ouros é condenado a 24 anos de prisão

O crime aconteceu em outubro de 2020. O suspeito era namorado da vítima. Júri acontece na Câmara Municipal.

O homem acusado de matar uma enfermeira a facadas foi condenado a 24 anos de prisão em Conceição dos Ouros (MG).

O crime aconteceu em outubro de 2020, e o júri popular foi realizado nesta sexta-feira (29). Djalmo Henrique Pereira, de 37 anos, estava preso desde novembro do mesmo ano.

O acusado era namorado da vítima e também foi condenado a pagar R$ 100 mil em danos morais. Conforme a condenação, as quase duas décadas e meia de prisão devem ser cumpridas em regime fechado.

O júri popular começou às 9h desta sexta-feira e foi realizado na Câmara Municipal de Conceição dos Ouros. A condenação ocorreu por volta das 20h.

Mulher é morta a facadas em Conceição dos Ouros; namorado é o suspeito — Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Relembre o caso

Segundo a Polícia Militar, a enfermeira Flávia Martins Franco, de 28 anos, foi encontrada morta no chão da garagem de sua casa no dia 30 de outubro de 2020. Ela foi encontrada com várias perfurações pelo corpo, no tronco, nos braços e pescoço.

O autor das facadas fugiu do local após o crime. Testemunhas disseram que Flávia e o namorado estavam juntos há três anos, em um relacionamento conturbado, com vários términos.

Na noite anterior ao crime, o namorado teria encontrado a vítima na companhia de um amigo. Ele não teria gostado e teria feito várias ameaças de morte à mulher, contaram as testemunhas.

No dia do crime, imagens de segurança flagraram o momento em que o suspeito, Djalmo Henrique Pereira, de 35 anos, corria pela rua em direção ao carro, Fiat/Strada, cor cinza, e ia embora.

Djalmo se entregou à Polícia Civil no dia 17 de novembro.

Por g1

Notícias